FARROUPILHA
25° MÁX 11° MÍN
 |  Saúde  |  Saúde

"O hospital não está somente nas costas da prefeitura", afirma Fabiano Piccoli

Casa de saúde necessita de R$ 2 milhões para não encerrar as atividades ainda este ano

 | Créditos: Luis Carlos Muller
Clique no canto direito-topo para ampliar.
A situação financeira do Hospital São Carlos vem se tornando cada vez mais crítica. Conforme a superintendente da casa de saúde, Janete Toigo, são necessários R$ 2 milhões para que ele não seja fechado. De acordo com o presidente da Câmara de Vereadores, Fabiano Piccoli, a prefeitura não tem como repassar mais este valor legalmente. "Estamos buscando recursos de todas as formas para contribuir com o hospital. Só que o hospital não está somente nas costas da prefeitura", afirmou. Ainda segundo Janete, o prazo para receber o valor antes que o hospital possa encerrar as atividades é até 15 de novembro.

Confira a entrevista no áudio abaixo: