FARROUPILHA
30° MÁX 19° MÍN
 |  Esportes  |  Futebol

Último jogo, vitória obrigatória e tropeço dos adversários: Brasil encara União lutando contra série de fatores para não ser eliminado

Rubro-verde encara União Frederiquense no sábado, nas Castanheiras, às 16h; última vez que Brasil não passou das fases iniciais da segundona foi em 2013

Castanheiras recebem Brasil e União, o que pode ser último jogo do rubro-verde na temporada | Créditos: Gustavo Colferai
Clique no canto direito-topo para ampliar.
O Brasil encara neste sábado seu último desafio pela primeira fase da Divisão de Acesso, com um cenário diferente do que vinha acontecendo nos últimos anos. Costumeiramente, a equipe farroupilhense fazia campanhas tranquilas nas fases iniciais da Divisão de Acesso, boa parte das vezes se classificando com antecedência. Mas em 2017, vem sendo diferente. O time até começou bem o campeonato, chegando a disputar a liderança do Grupo B com o Glória de Vacaria. Porém, sucessivos tropeços fazem com que o rubro-verde chegue na rodada final fora da zona de classificação e precisando de resultados paralelos.

O Brasil é o atual quinto colocado com 20 pontos. No grupo dos quatro que se classificam para os mata-matas, a equipe pode ultrapassar apenas Esportivo e Lajeadense, ambos com 21 pontos. Para isso, o time farroupilhense precisa vencer o União Frederiquense neste sábado, às 16h, nas Castanheiras e torcer para o Lajeadense no mínimo empatar com o Glória – jogo é em Lajeado –, e o Esportivo no mínimo empatar com o São Luiz – jogo é em Ijuí. Um empate contra União só ajuda se o Esportivo perder, já que, com os dois empatados com 21 pontos, o critério de desempate ajuda o Brasil, que tem 6 vitórias contra 5 dos bento-gonçalvenses.

Os fatores que ajudam o Brasil: encara na rodada final, em casa, o sexto colocado, que tem 16 pontos e já está eliminado da temporada. Já Esportivo e Lajeadense enfrentam os líderes São Luiz e Glória, respectivamente, e que vão brigar pela primeira colocação do grupo. Caso termine a rodada na quinta colocação, será a primeira vez desde 2013 que o rubro-verde é eliminado da Divisão de Acesso nas fases iniciais. Naquela temporada, a equipe ficou fora da zona de classificação nos dois turnos da competição. O presidente do Brasil de Farroupilha, Elenir Bonetto, conversou com a reportagem da Spaço FM sobre a fase complicada e reforçou que a torcida presente nas Castanheiras será necessária para ajudar a equipe a chegar aos mata-matas. Confira a entrevista no áudio abaixo.