FARROUPILHA
25° MÁX 13° MÍN
 |  Cidade  |  Farroupilha

Em meio a época do mosquito da dengue, lixão à céu aberto preocupa moradores da Vila Esperança

Ações de combate ao mosquito são intensificadas pela Vigilância Epidemiológica, mas lixão permanece no local

A Coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Paulina Guizzo passa informações sobre as ações que a secretaria da Saúde vem executando, no sentido do combate ao mosquito da dengue. Conforme Paulina, as ações anteriores mostram resultados satisfatório com a diminuição significativa do foco do Aedes Aegypti. Em 2013 foram registrados 17 focos, em 2014 caiu para cinco, em 2015 ficou em quatro e em 2016 não foram registrados nenhum foco do mosquito. Ela pede que a população continue com o trabalho de limpeza nas casas, pátios e terrenos baldios. Paulina fala também sobre o registro de casos confirmados de Zika Vírus, em duas pessoas que retornaram de viagem da Colômbia. Baseado nas declarações de Paulina, os moradores da Vila Esperança demonstram preocupação com o lixão à céu aberto naquele local e que ainda não foi recolhido. Eles temem pela procriação do mosquito da dengue e pelo perigo apresentado às crianças que brincam ali.

Confira abaixo na galeria de áudios

Lixão fica exposto à céu aberto